25 de mai de 2017

Como comprar patins para lazer, vindos da China

Calma gentemmm!
Este post não é um incentivo! Eu não recomendo a compra de patins da China, esse tipo de comércio prejudica o mercado nacional e não apoia o esporte.
Dê preferência por marcas nacionais ou distribuidores de patins importados aqui do Brasil, certo?


ps. Lembrando, que todos os patins citados aqui, são para lazer, para pessoas de até 65kg, pra patinar moderadamente, sem manobras, sem saltos. Os patins da China, chamados profissionais, costumam ser mais caros que os profissionais daqui (da Rye por exemplo).



AVISO DE POST LONGO, BEMMM LONGO! 


Agora vamos falar sobre os ching ling.
Muitas vezes encontrar patins novos na internet por R$ 150,00 a R$ 200,00 é um grande atrativo, não é mesmo? Vou dar ênfase somente aos modelos quad ok? Mas existem muitas opções de inline na China. Ainda, muitos patins inline vendidos nestes sites chineses, são na grande maioria FALSIFICADOS, possuem marcas como Seba, Powerslide quando na realidade não são!


Por incrível que pareça, grande parte dos patins de lazer disponíveis no mercado nacional (por exemplo Traxart, Multikids, Fênix), são patins do Alibaba e sites relacionados, e são vendidos como se fossem fabricados no Brasil, mas não são. O lado bom de comprar destes importadores, é que você, de certa forma está coberto por garantia e está incentivando o comércio nacional, já que a importação destas empresas é legítima.




Sobre a importação
Antes de falar mal dos patins, vou explicar pra vocês como funciona uma compra internacional, caso vocês ainda não saibam.
Atualmente não é mais necessário ter cartão de crédito internacional para comprar em sites gringos. A maioria já aceita boleto.
Diferentemente do Ebay.com, sites chineses possuem muitas opções de frete, às vezes até frete grátis, porém muitas vezes ele está embutido no preço do produto.
Quando a gente compra alguma coisa num site estrangeiro, estamos assumindo alguns riscos e um deles é a tarifa alfandegária.
No Brasil, na teoria, existe uma regra de que se pode ganhar presentes vindos do exterior, desde que eles custem até 50 dólares, e isso te isenta de impostos. Mas como aqui, pra toda regra, existe uma exceção, você pode sim correr o risco de ganhar um presente de um amigo e de quebra ter que pagar imposto pra retirá-lo na alfândega. Presente de Grego, heim?
Porém se você vai COMPRAR um produto no site, assume-se que você pagou pelo item e isso te gera um imposto, independente do valor do item adquirido.




Vamos aos exemplos: Suponhamos que você tenha encontrado um patins de 50 dólares. Putz, que achado! Um quad a esse preço? É só pra minha filha brincar, está ótimo!
Você paga o boleto convertendo o dólar turismo do dia e gastou aí uns 170 reais. Mas e o frete? Dificilmente encontramos itens pesados com frete grátis. O frete mais em conta que encontrei nessa minha última pesquisa no Ali, era de 30 dólares.
Frete normal vindo da China, pode demorar de 45 a 60 dias úteis. Em se tratando de Correios em crise, isso dá uns 3-4 meses. Como "bom" comprador, você pede pro vendedor declarar um valor inferior, pede pra enviar como presente, pede pra por numa caixa pequena, coisas do tipo. Sarcasmos à parte, depois de 3 meses, você recebe uma cartinha dos Correios, solicitando que retire seu pacote e pague as tarifas de importação.
Sendo bonzinho, o fiscal vai olhar o valor declarado pelo vendedor chinês e vai calcular o imposto sobre aquele valor.
Se o vendedor declarou 40 dólares você vai pagar pra alfândega 24 dólares, uns 85 reais e mais 12 obrigatórios para os correios. Seu total a pagar deu quase 280 reais, certo? Errado, pois a alfândega cobra o imposto sob o frete também, o cálculo correto é: 60% do total dos 70 dólares (valor declarado dos patins +frete), ou seja 42 dólares de imposto = 145 reais aproximadamente.
Total do patins + ou - 440 reais.

Uma coisa comum, que acontece bastante na alfândega, é o fiscal achar que o valor declarado no seu pacote, não condiz com o conteúdo, ele pode achar que você usou artimanhas para obter vantagem em relação ao valor do imposto, então ele coloca ali um valor que ele supõe ser o justo. Você recebe a carta de imposto com o valor definitivo a pagar e este valor pode ser exorbitante!
Você pode contestar o valor atribuído pelo fiscal, enviando a documentação da sua compra, provando pra ele o quanto você pagou, esse processo é demorado e a receita federal pode simplesmente não aceitar e ainda te passar uma multa em cima de tudo isso.
Te lembra o Oxer Secret Retrô?

Existe sim a possibilidade, de você comprar produtos pesados e caros da China e não pagar um centavo de imposto, mas faz muito tempo que não vejo isso acontecer.

Quero te desanimar de comprar patins da China? 
SIM!
O risco de tomar um imposto alto, o risco dos patins serem muito vagabundos, o risco de vir número que não serve, o risco de extraviar, tudo isso deve ser levado em consideração, principalmente se você comparar o valor do patinzinho chinês, com patins nacionais que têm garantia e você pode experimentar, parcelar, trocar, etc. E o que considero muito pior que todos estes fatores, é a questão de não incentivar o mercado interno, não incentivar a patinação no Brasil. Pense nisso!
Modelo 2017 de patins ching ling Sou Luna. Este ficou bonito heim? No Brasil temos o da Multikis

Sobre os patins
Você sabia que pra comprar esses mesmos patins chineses, você pode comprar no Brasil, com nota fiscal e garantia? Tia Su não conseguiu descobrir quem é o importador responsável pela compra de algumas marcas de patins Chineses que empesteiam lojas online aqui do Brasil, mas os detalhes sobre algumas delas, seguem abaixo:




Conheço atualmente 3 marcas de patins chineses, que são muito utilizados em locação nos rinques asiáticos. São elas a Hondar, a Golden Horse e a Reniaever.

Patins Hondar a gente já encontra de monte aqui no Brasil.
O patins Hondar, assim como muitos patins de lazer/recreação, possuem bases em composite/nylon sem patente, ou seja, é a mesma base pra todas as marcas de patins. Aqui o site da Hondar dentro do Alibaba, onde qualquer importador pode comprar de maneira legalizada e revender. A média de preços é de  USD20 no atacado. Nossa, muito barato!

Estes patins chegaram ao Brasil por importação e custam em média R$ 350,00. Talvez porque nosso país tenha a maior carga tributária do mundo.
São bons?
Pra pessoas leves e que não pretendem avançar na patinação, são ok! Bom, não é a palavra.
Eu já falei em várias ocasiões aqui no blog, sobre este tipo de freio. Eu não gosto! Dá pra fazer gambiarra e regular a altura deles, mas pra quê? Eu vos pergunto...




Reniaever:
Possui alguns modelos de patins quad e uma infinidade de cores de rodas. Vejo muito essas fotos rodando em sites por aí, sempre alguém perguntando se estes patins são bons. Nenhum importador trouxe esta marca pro Brasil, porém este modelo de base em metal, aparece em alguns Traxart, Powerslide, BelSports entre outras. Vamos aos detalhes:

Este é o modelo mais caro. Base e trucks em metal, bota semi rígida em courino, rodas e freios em PU. Média de preços no Aliexpress: R$ 400,00 + frete + impostos. Um similar a este patins, é o BelSports da Mulher Maravilha, que custa no Brasil seus 500 contos de réis

Reniaever possui bons patins, mas não vale o custo benefício em relação a patins nacionais similares. (Traxart Glitter, por exemplo)


São bons?
Qualidade equivalente A Reniaever, possui porém, uma grande variedade de rodas, tanto duras quanto pra asfalto, e rodas lindas com led (iguais da Traxart). As rodas, sim valem a pena!

Golden Horse
Esta marca ( http://ghskate.com/en/main.asp ) é bem forte na Ásia. Muitos rinques usam estes patins pra locação. As botas são em couro, muito duráveis e as bases reforçadas pra aguentar o tranco. Se fosse pra comprar patins da China, essa seria uma boa opção., porém é a marca mais cara do Aliexpress.
Golden Horse Rink. Este é o mais barato da marca, média de preços no Ali USD 90 + frete + impostos (Equivale ao Traxart College)

A empresa possui também patins profissionais com materiais de excelente qualidade (botas rígidas, em couro, com solado em madeira, bases em metal com regulagem de eixo), equivalente a patins italianos para patinação artística, porém pra importar pro Brasil, mesma coisa; sai muito mais caro.
Uns meses atrás, cogitei comprar um Golden Horse inline artístico (imita o SnowWhite).



Patins para artística, profissional, sai em média USD  720 + frete + impostos. Aqui um modelo similar da Rye, custa R$ 1500



Em suma, comprar da China pode ser um grande negócio se você souber exatamente que medidas comprar, se você der a sorte de não pagar imposto, mas como eu disse e repito, isso dificilmente acontece.

Existem muitas opções de patins chineses, chega a ser tentador, principalmente no quesito cores de rodas e botas, porém se você se atentar aos detalhes, vai perceber que as bases são sempre as mesmas, são indicadas pra pessoas de peso até 60-70kg, e esse capricho sairá mais caro do que se você comprar aquele pretinho básico, aqui no Brasil.

Quase tudo é fabricado na China, porque patins não seriam?
Lembram do RollerJoy Melissa? Esse primo pretão aí é do Alibaba: P





Este post abaixo, com certeza é bem mais instrutivo e vantajoso
Onde comprar patins pra lazer no Brasil?

Patinem!

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Patine conosco, deixe seu comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...